Últimas Notícias

Listar outras
Aprovada nova política nacional de pisos mínimos do frete

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou no Diário Oficial da União de hoje, 18-7, a Resolução 5.849/2019 que estabelece as regras gerais, da metodologia e dos coeficientes dos pisos mínimos, referentes ao quilômetro rodado na realização do serviço de transporte rodoviário remunerado de cargas, por eixo carregado, instituído pela Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas (PNPM).

19/07/2019
Listar outras
Obrigatoriedade de Identificação do Responsável Técnico na Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica – NFC-e

A Secretaria da Fazenda de Pernambuco - Sefaz-PE, em conformidade com a Nota Técnica 2018.005, versão 1.30, informa que a partir do dia 01 de agosto de 2019 passará a exigir o preenchimento da informação do Responsável Técnico do Software Emissor na NFC-e. Leia-se como Responsável técnico, a empresa desenvolvedora ou a empresa responsável tecnicamente pelo sistema (software) de emissão da NFC-e.

11/07/2019
Listar outras
Listar outras

Área do Cliente

Empresa

Seja bem-vindo ao site da MB Auditores, nossa filosofia de trabalho busca a saúde financeira total de sua organização desenvolvendo soluções customizadas voltadas especificamente para os interesses da sua empresa, quaisquer que seja o mercado e o seguimento em que atue seja ela uma empresa de pequeno, médio ou grande porte.

Auditorias

  • Análise e Implantação do Plano de Contas Padrão da ANS;
  • Especializada na elaboração e acompanhamento do PLANO DE RECUPERAÇÃO;
  • Especializada na elaboração e acompanhamento do PROGRAMA DE SANEAMENTO instaurado pela ANS. 
  • Elaboração do Fluxo de Caixa Realizado e Projetado de acordo com a necessidade da empresa;

  • Assessoria para adequação da contabilidade as práticas contábeis adotadas no Brasil tendo em vista sua convergência às práticas contábeis internacionais – IFRS. Esses serviços consistem no diagnóstico das atuais práticas contábeis adotadas por uma entidade e na identificação das adaptações necessárias para adequação às novas práticas, principalmente em relação à Lei 11.638/07, MP 449/07 e os pronunciamentos técnicos emitidos pelo CPC – Comitê de Pronunciamentos Contábeis e já transformados em normas contábeis.
  • Estudo e análise de viabilidade econômica;
  • Análise e Interpretação das demonstrações gerenciais;
  • Análise de rentabilidade, preços e revisão dos controles internos;
  • Seleção e análise na implantação de sistema informatizado e integração entre os departamentos;
  • Avaliação dos funcionários e comprometimento dentro da organização;
  • Análise do nível de satisfação dos funcionários e dos clientes;
  • Elaboração de Plano de Recuperação Judicial;
  • Planejamento tributário e societário das instituições de assistência social e demais entidades sem fins lucrativos;
  • Planejamento tributário aplicado no terceiro setor;

  • Consultoria especializada em implantação de Gestão Patrimonial, Contábil (Sistemas Integrados ao ERP); inventario físico alocando os bens por centros de responsabilidade e/ou custo, local, setor, departamentos, etc.
  • Avaliação de ativos para fins contábeis, gerenciais, seguros e garantias;
  • Avaliação de máquinas e equipamentos, instalações, móveis utensílios e equipamentos de informáticas;
  • Teste de Impairment;
  • Emplaquetamento dos bens;
  • Descritivo técnico de cada bem patrimonial;
  • Conciliação física x contábil;
  • Ajustes de sobras físicas e contábeis;
  • Estudos de impactos fiscais relacionados à Administração do Patrimônio;
  • Estudo para determinação da vida útil técnica remanescente;

  • Verificação de desvios financeiros de bens, fraudes, etc.;
  • Avaliação dos recebíveis e procedimentos de tesouraria;
  • Expansão dos Negócios com novos sócios;
  • Revisão de resultados operacionais e sistemas de informações;
  • Riscos e Oportunidades;
  • Auditoria Interna e Gestão;
  • Validação de orçamentos e projetos;
  • Cumprimento de normas legais e estatutárias;
  • Avaliações fiscais, societárias e trabalhistas;
  • Processos de fusões, cisões e incorporações;
  • Controles Internos;

  • Auditoria Trimestral; (Análise no DIOPS e controles internos) das operadoras que são obrigadas a transmitir trimestralmente as Informações Econômicas / Financeiras no DIOPS a partir do exercício de 2011 conforme IN nº 45 e RN º 243 e alterações posteriores;
  • Emissão dos Relatórios dos Procedimentos Previamente Acordados (PPA) conforme IN nº 45 em seu art. 3º e 4º com procedimentos definidos em seus anexos I e II;
  • Auditoria nas Demonstrações Contábeis para fins de publicação e apresentação para ANS;
  • Emissão do Relatório dos Auditores Independentes Sobre as Demonstrações Financeiras – (Parecer);
  • Emissão do Relatório Circunstanciado;
  • Auditoria Contábil, Fiscal e Operacional;
  • Auditoria de revisão dos procedimentos fiscais, tributários, trabalhistas e previdenciários;
  • Auditoria e Emissão da Manifestação formal dos auditores independentes acerca das informações apuradas referentes aos contratos estipulados para vinculação dos ativos garantidores das Operadoras (Administradoras de Benefícios) conforme IN nº 33 (DIOPE) e alterações posteriores.
  • Auditoria e emissão do Relatório Circunstanciado dos auditores independentes referentes aos dados que acompanham a Nota Técnica Atuarial para Estudo de Inadimplência para vinculação de ativos garantidores das Operadoras (Administradoras de Benefícios) conforme IN nº 33 (DIOPE) e alterações posteriores;
  • Auditoria nas informações referentes aos gastos com Programas de Medicina Preventiva escriturada como Ativo Intangível;
  • Emissão do Relatório Circunstanciado referentes aos gastos com Programas de Medicina Preventiva escrituradas contabilmente como Ativo Intangível;
  • Auditoria nas informações do SIP;
  • Auditoria e emissão do relatório circunstanciado dos auditores independentes; referentes aos dados que acompanham as Notas Técnicas Atuariais de Provisões Técnicas;

  • Auditoria nas Demonstrações Contábeis para fins de publicação e apresentação aos Órgãos Públicos;
  • Emissão do Relatório dos Auditores Independentes Sobre as Demonstrações Financeiras – (Parecer);
  • Auditoria Contábil, Fiscal e Operacional;
  • Auditoria de revisão dos procedimentos fiscais, tributários, trabalhistas e previdenciários;